Comunicação

Comunicação

Clipping

Ao criarem jogos, estudantes melhoram a leitura e a relação interpessoal11/07/2018

A fim de garantir o aprendizado dos estudantes, as disciplinas de Língua Portuguesa e Educação Física se aliaram na EE Hermano Ribeiro da Silva. O projeto foi criado para que alunos e alunas melhorassem a escrita, a leitura, o relacionamento interpessoal, praticassem atividades físicas e, ainda, aprendem questões de cidadania. Nasceu então o “Jogos Cooperativos”.

O “Jogos Cooperativos” foi criado em 2014, com eles as crianças aprenderam que jogar e cooperar é promover a cidadania, como respeitar as regras e ajudar os colegas, por exemplo. A primeira etapa foi apresentar o tema e verificar se os alunos e as alunas entendiam algo sobre o assunto. Feito este levantamento, é a vez de apresentar textos instrucionais aos educandos.

Com a orientação do livro do “Ler e Escrever” foi realizada a terceira etapa, onde os estudantes criaram os jogos cooperativos, como a estrutura em tópicos do material necessário para cada modalidade e as regras, tudo isso durante as aulas de Educação Física. Depois, é a vez da professora da sala de aula revisar os textos com os participantes da iniciativa.

“Eles puderam usar todo o conhecimento que tinham da Língua Portuguesa. Não só na criação, na parte escrita, mas também na apresentação oral, a explicação do jogo”, comenta a professora de Educação Física, Fernanda Khouri [CREF 025404-G/SP]. “Houve bastante melhora na aprendizagem. Alguns alunos, inclusive, que não liam e não escreviam, passaram a ter mais interesse pela leitura e pela escrita, por conta dos jogos”, avalia a professora Luciani dos Santos [CREF 012718-G/SP].

Além de parar de fazer bagunça, conforme revela Gabriel do Carmo Pereira, o aluno passou a “escrever melhor e ler melhor, também”. E assim, criando jogos, os alunos da escola Hermano Ribeiro da Silva se tornam grandes especialistas no esporte, peritos na Língua Portuguesa e realizados na convivência com os colegas.


Fonte: Governo do Estado de São Paulo